• busca
  • Relogios

    A vez dos malandros

    A moda mais uma vez se reinventa e destaca um novo perfil de modelos que fogem do antigo padrão de beleza e roubam a cena nas passarelas e campanhas publicitárias. Assim, muitas grifes vem buscando novas formas de trazer personalidade, e uma das estratégias tem sido investir em rostos até então pouco explorados e valorizados pela moda tradicional. Entre os mais diversos perfis, um tem atraído ainda mais flashes: o malandro.

    Aproveitando esta tendência, acompanhamos em São Paulo, com exclusividade, uma sessão de fotos do modelo carioca Elthon Charles, de 24 anos, um dos platinados do clipe “Vai Malandra”, da cantora Anitta, gravado na favela do Vidigal. Malandro por natureza, Elthon por si só já esbanja personalidade. Suas 12 tatuagens, somadas ao cabelo descolorido e uma pela bronzeada, viraram o xodó de campanhas internacionais de grifes como Armani e Moschino e lhe renderam, inclusive, destaque na revista Vogue ao lado de ninguém menos do que Candice Swanepoel, uma das angels da Victoria´s Secret.

    “Elthon não é apenas o malandro carioca típico, mas também um malandro estilo jovens do leste europeu, com aquele ar malvado, meio sombrio, um pouco dúbio em suas atitudes, mas que na verdade é um cara de coração bom, querendo aproveitar a vida e ser feliz”, detalha Thiago Martini, fotógrafo responsável pelo photoshooting que acompanhamos. “O modelo brasileiro tem chamado cada vez mais a atenção das marcas internacionais, pela variedade de perfis que temos em nosso país e por, muitas vezes, parecer mais real. Para a Europa, inclusive, o cabelo descolorido tem agradado muito”, completa Elthon, que depois da exposição no clipe de Anitta – já são mais de 230 milhões de views – viu seu cachê subir 80%, sendo disputado por muitas marcas na última edição do São Paulo Fashion Week. “Antes do ‘Vai Malandra’ participei do reality ‘De Férias com o Ex Brasil” e, depois do clipe, fiz também parte do projeto ‘Solta a Batida’ da Ludmilla, mas nenhum destes me trouxe tanta repercussão como o que gravamos no Vidigal”, conta Elthon.

    E, de fato, foi nesta oportunidade ao lado de Anitta que Elthon – hoje com agências no Rio, São Paulo e Milão – mais do que nunca, reforçou ao mercado a sua já imagem de malandro. Sangue brasileiro, com jeitinho carioca, pronto para dominar o mundo. Vai, malandro!

    | com colaboração de Augusto Köech |


    ptm 4664 - A vez dos malandros ptm 4578 - A vez dos malandros ptm 4456 - A vez dos malandros

     

    06 abr 2018
    0
    Comente

    Deixe seu comentário

    Youtube @alexandretaleb
    Instagram @alexandretaleb

    Copyright Alexandre Taleb Todos os direitos reservados | DESIGN MY WISHES GALLERY | PROGRAMAÇÃO WEBONFOCUS